GEPE - Grupos de Entreajuda na Procura de Emprego

  • Registe-se!
    *
    *
    *
    *
    *
    Fields marked with an asterisk (*) are required.

 

Fundação Montepio Câmara Municipal de Lisboa IPAV

150 perguntas e respostas para entrevistas de emprego
11. Perguntas para empregos no âmbito da PROGRAMAÇÃO e das TIC
  • 075. Porque quer trabalhar connosco?

    As empresas ligam mais aos seus negócios do que às tecnologias de informação. Não serás contratado por gostares de computadores mas porque podes tornar a empresa mais rentável. Se uma entrevista se focar só em tecnologia, tenta introduzir nela as necessidades de negócio da empresa porque ao fazê-lo darás uma boa impressão! As empresas de hoje esperam que os seus programadores e especialistas informáticos tenham perfil comercial e de negociação, e é positivo se o demonstrares. As pequenas empresas têm menos espaço para crescerem e estruturas menos formais de progressão na carreira; mas compensam isso oferecendo uma maior participação no seu sucesso e maior diversidade criativa no trabalho. A amizade, o espírito de equipa e a abertura à iniciativa individual numa pequena empresa podem ser compensadas numa grande empresa por maiores oportunidades para crescer e maior escolha de projectos.

    Visitas: 2234
  • 076. No que diz respeito a informática e computadores, prefere o lado da programação ou da consultoria?

    Na maioria das empresas há carreiras mais ou menos técnicas. Responde de forma honesta. As grandes empresas têm carreiras próprias para os programadores progredirem e tornarem-se os "gurus" de uma área específica, mas provavelmente haverá mais procura de informáticos que começam pela programação e passado um ou dois anos passam a funções de análise e consultoria. Nestas funções é menos provável que sejas ultrapassado por uma novidade tecnológica. As competências necessárias para a consultoria permanecem as mesmas em qualquer que seja a linguagem ou sistema informático em que trabalhes. Tem cuidado para não te deixares enredar numa linguagem de programação ultrapassada mas incapaz de trabalhar noutras linguagens. Algumas empresas querem isso mesmo porque ainda têm muita informação em linguagens ultrapassadas mas isso não tem interesse nenhum para ti.

    Se conseguires responder a esta questão afirmando que és flexível e tens competências quer para programação quer para consultoria, ficarás certamente a ganhar!

    Visitas: 1875
  • 077. Fale-me do seu projecto…

    O entrevistador pretende saber as razões por que escolheste esse projecto particular no âmbito informático (académico, de investigação, de empregos anteriores), como o assumiste e o que mais te cativou nele. Talvez te peça para justificares os resultados obtidos. Se foi um projecto de equipa, estará interessado em saber como te adaptaste à equipa, que papel assumiste nela, como colaboraste com os colegas - especialmente quando houve problemas.

    Se foi um projecto individual, podes referir a auto-disciplina de ter de trabalhar sozinho e com pouca supervisão, pesquisando por ti e resolvendo os problemas que foram surgindo. Se usaste linguagens de programação, sistemas operacionais, bases de dados, etc. que sabes que na função a que te candidatas irás provavelmente usar então dá-lhes um particular ênfase.

    Visitas: 1565
  • 078. Como planeia organizar as coisas se for contratado para esta função?

    Um bom planeamento e boas competências organizacionais são essenciais para muitos trabalhos na área da informática. Uma boa maneira de responder é dar exemplos de situações em que planeaste e organizaste com sucesso – idealmente num projecto de curso ou de programação anterior, mas também podes falar de uma actividade que organizaste de fundraising ou outra que não tenha relação com computadores e tecnologia.

    Visitas: 1484
  • 079. Como resolveria um problema por exemplo de um vírus informático nos computadores da empresa?

    Aqui os entrevistadores estão à espera de uma abordagem lógica e analítica. Demonstra que sabes planear, definir o problema, pesquisar, dividir o problema em pequenas partes e ter um plano de contingência em caso das coisas correrem mal. Podes incluir na tua resposta:

    • A pesquisa que precisas de fazer

    • As pessoas com quem tens de falar

    • Uma estimativa do tempo necessário para resolver o problema

    • Ajuda externa necessária

    • Recursos que vais precisar para resolver a situação.

    Visitas: 1420
  • 080. Como faria para resolver um problema técnico de um simples utilizador de computadores na empresa?

    Cada vez mais o utilizador comum de qualquer empresa está envolvido nas tecnologias de informação. Os profissionais técnicos desta área já não se podem esconder atrás do muro da linguagem computacional impenetrável! Precisarás de explicar as decisões e questões informáticas a todo o tipo de pessoas, desde gestores seniores a administrativos, em linguagem simples e acessível a todos. Essa capacidade de simplificar a linguagem informática é hoje em dia muito importante. O entrevistador está à procura de pessoas que saibam falar e escrever bem e de forma clara; e que saibam compreender os problemas de utilizadores comuns, vendo as coisas na sua perspectiva. Podes sublinhar que o profissional de informática só é útil a uma organização na medida em que faz essa organização ser mais eficaz.

    Visitas: 1266
  • 081. Aprendeu alguma linguagem de programação a partir de manuais?

    Em projectos de consultoria informática podes ter de precisar de aprender novas linguagens e sistemas de programação em pouco tempo. Normalmente terás de fazer algum curso de formação intensiva mas pode acontecer que tenhas de aprender por ti próprio. A maioria das modernas linguagens de programação usam conceitos umas das outras, por isso quando souberes algumas delas não será difícil aprender novas linguagens.

    O entrevistador está aqui a tentar perceber se és capaz de aprender de forma independente, sem muita supervisão. Também quer perceber a tua iniciativa e interesse efectivo pelas tecnologias de informação, muito necessários para aprender uma nova linguagem de programação. Se não tiveres aprendido linguagens só com manuais, destaca o que já aprendeste de forma independente nesta área – um sistema operativo, uma aplicação complexa – e dá exemplos desses ao entrevistador.

    Visitas: 1301
  • 082. Como documentaria os programas/códigos que viesse a realizar para esta empresa?

    Cuidado! Muito do desenvolvimento de software envolve tirar notas dos códigos e passos dados na sua construção. Provavelmente estudaste bem isto no teu curso. Com a mudança de programadores nas empresas pode acontecer que um programador que desenvolveu um software já lá não esteja para o manter, por isso é muito importante que anotes bem todos os códigos de maneira clara, concisa e transparente. A maioria das empresas está mais preocupada com isto do que com a tua capacidade brilhante de programação, se depois mais ninguém a conseguir manter.

    Visitas: 1149
  • 083. Que conhecimentos tem de C++?

    Os candidatos são escolhidos mais pela sua capacidade de resolver problemas do que pelos seus conhecimentos de linguagens de programação. Deves sempre realçar que tens uma boa capacidade de aprender, sabendo ou não a linguagem C++. Neste último caso podes responder "ainda não sei C++ mas domino bem a linguagem Java, por isso facilmente aprenderei C++ em poucas semanas". Se te fizerem perguntas técnicas às quais não saibas responder, assume que não sabes e explica os passos que darias para descobrir as respostas.

    Visitas: 1778
  • 084. Porque o devemos escolher a si em vez de outros candidatos?

    Em baixo estão algumas das características tipicamente requeridas por uma empresa de tecnologias de informação. Se conseguires dar exemplos de situações da tua vida que demonstrem que tens estas características, estarás no bom caminho!

    • Planeamento – mostra que sabes estabelecer prioridades e és organizado

    • Profissionalismo – dá exemplos de projectos de sucesso realizados dentro do prazo e do orçamento!

    • Comunicação – habilidade em fazer apresentações e facilidade em estabelecer relações

    • Trabalho de equipa

    • Criatividade – abertura a novas ideias, capacidade de arranjar soluções efectivas e flexíveis que possam ser facilmente adaptáveis.

    • Confiança – inspirar confiança e trabalhar horas extra se necessário.

    Se for o caso, demonstra que aprendeste linguagens de programação por ti próprio. Se não conheceres os programas/sistemas com que a empresa trabalha, diz que facilmente os aprenderias em poucas semanas.

    Visitas: 1984
  • 085. Tem alguma questão para me colocar?

    Podes fazer as perguntas clássicas sobre formação profissional e perspectivas de carreira. Em baixo estão algumas das perguntas possíveis nesta área das tecnologias de informação. Lembra-te que só deves fazer as perguntas das quais queres mesmo saber a resposta, caso contrário pode soar a falso.

    • Que formação interna e externa costumam dar aos programadores?

    • Em que máquina opera o vosso sistema informático?

    • De que parte do sistema seria eu responsável?

    • O que faz agora a pessoa que costumava fazer este trabalho?

    • Como é que o meu trabalho será avaliado?

    • Há um percurso tipificado de carreira para pessoal técnico e para pessoal de gestão?

    Visitas: 1679